terça-feira, 14 de julho de 2009

Sentido

Sou um poço de conflitos em erupção.

A busca por novos caminhos

Sempre colide com minha pacífica estagnação

E me sinto tão incapaz em dias assim ...

Em que não vejo uma primavera se quer surgindo

Que a vontade é de arrancar, das sementes, flores a força,

Laçar e puxar um sol pra um dia mais comprido

Preciso mudar, crescer, evoluir nem que um milímetro por dia

Ou irei de encontro ao negativo sentido do tempo

E não quero sentidos absolutos, preciso sentir...

E sentir ao menos um novo sentido por dia...

5 comentários:

Ju Fuzetto disse...

ótimo!!!!!!
Adoreiiii

Joh disse...

Um novo sentido por dia...Posso te dizer milhões aqui, que pra vc podem ser rotina, mas e pra quem não tem?..E gostaria de ter...Motivos por motivos, existem milhões...Mas se a palavra é sonho, então sonhe mais alto. Voe um pouco mais longe, tente alcançar as estrelas. Diga que morre de vontade de fazer algo q vc nunca fez, corre atrás das borboletas, tenta alcançar alguma, já deu uma cambalhota hoje? E um sorriso?
Beijoss adoro seus textos!
=D

a primeira estrela disse...

o sentido não tem graça,o bom é você viver sem tê-lo!Não se preocupar é um bom passo para começar a perder o sentido aahahaha :) :*

Melanie Brown disse...

De vez em sempre me sinto dessa forma...

Título no meu post, é tao belo quanto o do seu blog!! RS

BJoOS Querido
Obg pelo comentarioo'
:D

Seguindo...

Leslie Holanda disse...

Lucas,
Quando ficamos parado, a vida para.
A nossa.Ai tudo é mêcanico, enfadonho, rotineiro.
Beijos