segunda-feira, 6 de julho de 2009

Nossa (s) Vida (s)

Descobri que em boa parte dos meus dias sou dos outros

Horas e horas trabalhando, pensando, conversando...

Vivendo mais a vida alheia que sendo quem preciso ser

Engraçado que a gente se ilude tanto nesse papo de:

Eu tenho de ser eu mesmo, sem fingimentos, sem máscaras

E acabamos em tantas e tantas vezes descobrindo

Sobre o que somos quando vivemos a vida dos nossos

Quando partilhamos dos sentimentos, das idéias

E até mesmo dos sonhos e da vida alheia, rsrs

Esclarescendo então esse lance de propriedade vital

A vida é uma só, a minha, a sua... é tudo nosso.

8 comentários:

Melanie Brown disse...

iiii
Quando a coida é coletiva
O negocio fica ainda mais dificil...
:D

Leslie Holanda disse...

Lucas,
Nossas vidas...uma extensão do outro.
O outro uma extensão de mim.
Beijos

Marina Blanc disse...

é assim mesmo como vc disse,
adorei o blog.
bjusss
obrigada pela visita

Niña disse...

Interessante seu ponto-de vista =)

Bjinhos

Fabricante de Sonhos disse...

Lindo isso! E é a pura verdade!
Interferimos na memória e no dia a dia das pessoas o tempo todo, sendo assim parte da vida delas e elas parte da nossa.
Fazendo tudo isso uma coisa só!
Enfim é isso... Todos somos partes.
Parte de um todo.

Um beijão

Adorei o texto

Amanda disse...

Interessante isso. É pra se pensar com calma...
Abraços.

Joh disse...

rsrs...adoro essas coisas que confundem o cérebro, nossas idéias dão gargalhadas!!
Tudo nosso, é verdade vivemos as vezes a vida de outras pessoas e acabamos lembrando da nossa. Pena que isso só acontece depois, talvez seja até tarde de mais. Um dia meu chefe viajou com a família pra...Nossa quando foi minha ultima viagem em família??rsrs
Beijos Luucas!

Márcia(clarinha) disse...

nossos momentos são dos outros que vivem em nós

linda semana
beijos