quarta-feira, 5 de agosto de 2009

Coisas Velhas - Cada palavra

Toda musica tem um acorde secreto
Todo olhar traz um pensamento consigo
Cada palavra representa uma infinidade de decisões
Cada frase explana séculos de reflexão
Cada objetivo carrega no mínimo três subjetivos
Um que nega, um que afirma e um que desafia.

Talvez tudo que já aprendi sobre tudo, seja falso
Talvez nada do que fiz, fez sentido
E tudo que havia sentido... nunca se fez

Você não consegue ser imune às pedras que atira
Não consegue fugir do que ontem provocou
Não consegue ser feliz por completo, sozinho
Porque sozinho nem completo você consegue ser.

9 comentários:

Priscila Rôde disse...

Nossa Lucas, você disse TUDO agora. Muito bom, como sempre!

Flor disse...
Este comentário foi removido pelo autor.
Flor disse...

"Não consegue ser feliz por completo, sozinho
Porque sozinho nem completo você consegue ser."
Quer verdade maior q essa?!
Lindo texto Lucas, vc disse td!

Bjos!
=**

a primeira estrela disse...

hoje eu vivo só em paz,hoje eu vivo em paz sozinha,a gente precisa mesmo disso por mas que não seja necessário...de vez em quando é bom. beijo da estrela

Melanie Brown disse...

Eitaaaaaaaaaa, esse fainl foi pra mim...
Dorei o texto-'
Parabens!!!

Pequena Poetiza disse...

pois é
e é justamente sobre esse tipo de coisa que tenho pensado
do tanto que falo do outro e q está em mim

do quanto vejo os discursos se perderem

a gente é tão cego de si mesmo que achamos que conhecemos bem o outro

beijos

Eloisa disse...

nao podemos ser felizes sozinhos, pois estamos incompletos. :}
Adorei o poema.
beijo.

Os Armênios disse...

Na real a gente nasce completa mas vai perdendo e deixando pedaços aos poucos.

Paloma Flores disse...

Bom, eu su completa sozinha... É tudo uma questão de amor-próprio.